O que é CNAE?

A sigla CNAE é conhecida de todo aquele que já passou pelo processo de abertura de empresa no Brasil. O termo, que significa Classificação Nacional de Atividades Econômicas, padroniza as atividades econômicas no Brasil. Como em uma biblioteca, que é dividida por temas, o CNAE tem códigos padronizados nacionalmente que são utilizados para cadastros e registros da administração federal, estadual e municipal. Seu objetivo é, dessa forma, facilitar o controle tributário, a fiscalização e as ações antifraude. Qualquer organização, seja prestadora de serviço, vendedora de produtos físicos ou online, ONG, agentes autônomos etc., precisa estar enquadrada em alguma CNAE, assim como ter um CNPJ para atuar como pessoa jurídica. Para encontrar qual o CNAE correspondente a seu ramo de atividade, o empresário, ou seu contador, precisa buscar no site do IBGE e fazer uma busca dentre os quase 100 tipos e suas subdivisões. Cada um dos subitens se desdobra em outros, e tal detalhamento tem o objetivo de esclarecer aos órgãos públicos quais as atividades de cada empresa. É importante notar que cada negócio pode ter mais de uma CNAE. Essa classificação é utilizada, também, para identificar em qual regime tributário a empresa está apta a trabalhar, uma vez que nem todas podem integrar-se ao Simples Nacional.